Dicas para preparar a pele e o corpo para o verão

Exponha-se ao sol até às 10h e depois das 16h. E não fique mais de 15 minutos por dia Foto: Getty Images

Faltam 8 semanas para o verão!!

A ideia é entrar na estação mais esperada do ano com o corpo e a pele em dia, prontos para circular pelas praias e relaxar na beira da piscina. Quer se preparar com calma, sem cometer erros e excessos prejudiciais? Então, confira dicas da dermatologista Andrea Godoy e do personal trainer Carlos Klein.

Pele
1 – Fique de olho no cardápio. Coma mais vegetais amarelo-alaranjados e verde-escuros, como mamão, manga, brócolis e cenoura, porque contêm betacaroteno, que ajuda a potencializar o bronzeado. Castanha-do-pará, linhaça e folhas verde-escuras conferem mais hidratação e flexibilidade à pele, unhas e cabelos. Carnes, peixes e outras proteínas dão mais firmeza e, portanto, menos flacidez.

2 – Suspenda o uso de ácidos e peça ao dermatologista uma sugestão de creme antioxidante à base de vitamina C e de um hidratante adequado para seu tipo de pele.

3 – Não dispense o uso de tônico facial. Ajuda a manter os poros limpos e bem fechados.

4 – Esfolie o rosto e o corpo uma ou duas vezes por semana para remover as células mortas e estimular a renovação. Uma opção interessante é lançar mão de um peeling leve de cristal ou diamante.

5 – Se sofre de hiperidrose (sudorese excessiva), vale aplicar toxina botulínica nas axilas para controlar o problema. Caso o incômodo não seja muito grande, o dermatologista pode indicar um bom antitranspirante, que não irrita a região e nem causa manchas quando exposto ao sol.

6 – Hidrate-se. Beba bastante água e use e abuse de óleos de banho e hidratantes corporais.

7 – Invista em um protetor solar resistente à água por conta do suor e que não cause espinhas em quem tem tendência (oil free). Reaplique-o de três a quatro horas e sempre que sair da água.

8 – Exponha-se ao sol até às 10h e depois das 16h. E não fique mais de 15 minutos por dia.

9 – Compre chapéus, bonés e roupas que protegem contra os raios nocivos.

Corpo
10 – Tenha em mente que mudar o contorno corporal é um processo demorado e que requer esforço. Portanto, comece o quanto antes. Aposte em uma alimentação equilibrada, sob a orientação de um nutricionista, além de manter a frequência nas atividades físicas.

11 – Nesta época do ano, os equipamentos cardiovasculares (como esteiras e bicicletas) são os mais procurados. No entanto, o que muitos não sabem é que talvez não sejam as atividades mais indicadas para perder gordura, porque, se o exercício aeróbico não for realizado de maneira correta, em uma intensidade recomendável, o resultado desejado pode não ser obtido. O mais indicado é combinar um trabalho resistido (como a musculação) ao trabalho cardiovascular intervalado, de alta intensidade.

12 – Antes dos exercícios, é aconselhável ingerir carboidratos de médio a baixo índice glicêmico (como pão de centeio integral, aveia, soja).

13 – No calor, prefira malhar até 8h30 e depois das 17h, porque a temperatura mais amena desses períodos propicia uma sessão de treino mais agradável e proveitosa. A atividade física em ambientes muito quentes pode até diminuir o gasto calórico, pois fica muito mais difícil a execução dos exercícios, prejudicando a intensidade do treino.

14 – Não pratique atividades físicas sob sol forte, entre 11h e 15h. Mesmo quando o tempo estiver nublado, não se esqueça do protetor solar e do boné.

15 – O alongamento e o aquecimento são importantes para o bom funcionamento do corpo durante a atividade física. Não deixe de se alongar antes do exercício com movimentos lentos que explorem toda a amplitude das articulações (alongamento dinâmico). Logo após, faça de cinco a 10 minutos de atividade aeróbica de baixa intensidade para complementar o aquecimento. Ao terminar o treino, invista em mais cinco a 10 minutos de exercícios de baixa intensidade, como um trote leve e alongamentos estáticos.

Fonte: Terra

Anúncios

Tabelas de medidas e calorias

 

Por Vivi Araújo | Pé na Cozinha

Muitas pessoas me perguntam sobre as medidas usadas na cozinha: quantas colheres ou xícaras de chá são 100g, 250g ou 350g… O mais importante de uma receita são as medidas, elas fazem muita diferença no resultado final.

Outra dúvida muito frequente são as calorias de certos alimentos, geralmente os mais comuns de nosso dia-a dia. Por isso, fiz uma pesquisa para tentar simplificar ao máximo para vocês. Espero que gostem.